Últimos posts

Como cuidar de cortinas, tapetes, almofadas, toalhas de mesa, guardanapos e colchas

Itens de decoração, cama e mesa livre de ácaros! Está na hora de lavar os itens de decoração de sua casa e deixá-la prontinha para as festas de final de ano.
Colaboração: Use Lavanderia
Crédito imagem: weekndmaids
As festas de final de ano estão chegando e sua casa precisa daquela limpeza especial: está na hora de lavar adequadamente as cortinas, os tapetes e as almofadas e também de preparar os quartos que receberão hóspedes. Porém, não é possível colocar cortinas na máquina de lavar, porque elas são grandes e uma estraga a outra: a cortina tem suas fibras destruídas pela rotação da máquina e a máquina tem seu motor quebrado pela força que precisa fazer para girar algo tão pesado. “Além disso, a máquina não consegue remover nem a sujeira, nem o sabão, podendo até mesmo manchar a peça”, informa José Carlos Larocca, presidente do Sindilav - Sindicato Intermunicipal de Lavanderias no Estado de São Paulo.

Larocca, que também é proprietário de uma lavanderia especializada em itens de decoração há mais de 60 anos, entende do assunto. Ele dá algumas dicas para quem quer manter os itens de decoração mais limpos e conservados:
Crédito imagem: Click Interiores
Tapetes 
Os tapetes não podem ser lavados em casa. Eles são confeccionados nos mais diferentes materiais e, por isso, precisam de uma análise prévia de como serão lavados. Há alguns que são colados; outros são costurados; existem os que são de pelos, outros são de lã e ainda há os sintéticos, os que desbotam... A variedade é infinita! O segundo problema é a secagem adequada deles: uma simples umidade pode causar manchas, mau cheiro, bolor e apodrecimento das fibras. Depois de limpinhos numa lavanderia, você deve conservá-los aspirando-os constantemente e evitando que sejam molhados. Se cair água, procure secá-los com um pano limpo imediatamente.
Crédito da imagem: Decorline Cortinas
Cortinas
Elas ficam expostas à luz solar direta e ao pó. Por isso, precisam de um forro resistente, ou desbotarão. Elas também devem ser aspiradas. Jamais as coloque na máquina de lavar, pois as fibras do tecido são quebradas e esse ‘amassado’ será impossível de remover.
Crédito da imagem: Minha Casa Abril
Almofadas
Aspire-as sempre e, preferencialmente, não as utilize com cabelos molhados ou como apoio para pratos, quando bater aquela vontade irresistível de fazer um lanchinho no sofá. Sempre as leve para a lavanderia, porque elas podem desbotar quando lavadas em casa e, em alguns casos, até mesmo se rasgar. As que possuem bordados e brilhos precisam de cuidados especiais, tanto na lavagem quanto na passadoria.
Crédito da imagem: Villa Pano
Toalhas de mesa e guardanapos
Os itens do dia a dia podem ser lavados em casa, normalmente, se você conseguir remover as manchas sem danificar o tecido. Mas os mais delicados e bordados precisam ir para a lavanderia, já que podem manchar permanentemente. Se você os usa pouco, guarde-os bem limpos, em sacos de TNT, e nunca em embalagens plásticas.
Crédito da imagem: arquivo pessoal
Colchas
Precisam ser lavadas mensalmente, porque protegem a cama de poeira. Assim como edredons e cobertores, são peças grandes e que podem quebrar sua máquina, então, nada de lavá-las em casa.

É mais econômico, em todos os sentidos, lavar roupas de uso pessoal; de cama, mesa e banho e itens de decoração (como tapetes, cortinas e almofadas) em lavanderias especializadas. 
Dois bons motivos que justificam a economia:

1) Lavar roupas na lavanderia economiza água e energia elétrica - De acordo com estudos realizados pela Universidade de Michigan (EUA) e pela Sabesp, cerca de 21% da conta de água das residências é proveniente da lavagem de roupas. Por conta das crises hídricas e econômicas vivenciadas pelo Brasil, o uso de lavanderias se tornou uma opção ainda mais recomendada, já que economiza água, luz e recursos financeiros. “Nas lavanderias, as máquinas de lavar roupa estão sempre cheias e lavam peças em maiores quantidades, utilizando bem toda a energia necessária para movimentá-las. Isso evita o desperdício. Muitas lavanderias também usam poços artesianos, água de reuso e várias delas reciclam a água que consomem, tornando o processo ainda mais econômico”, aponta Larocca.
São tantos dados de economia de água que dá para se surpreender. Por exemplo, a máquina de lavar roupas usa em média 50.000 litros de água por ano. É tanta água quanto uma pessoa bebe em toda a vida. O dado, novamente, é da Universidade de Michigan (EUA). Já o Sindilav comenta que se estima que, em casa, consumam-se 4 mil litros de água mensalmente para lavar as roupas de apenas uma pessoa. Na lavanderia, gastam-se apenas 40% dessa quantia, ou cerca de 1.600 litros.

2) Lavar roupas na lavanderia faz com que elas durem mais – Em casa, é praticamente impossível seguir as instruções de lavagem contidas nas etiquetas. E, ainda que quem lave as peças se lembre de todos os símbolos, seria necessário separar peça por peça para lavar tudo conforme é pedido nas etiquetas, sem misturá-las. Fora que, em muitos casos, as etiquetas são removidas por quem usa a roupa e, aí, realmente é impossível preservar a peça como indicado pelo fabricante. Nas lavanderias, porém, as peças são separadas e lavadas conforme as instruções das etiquetas, com produtos químicos adequados – e com a garantia de que se houver algum dano, ele será reparado. “É por isso que o mote de nossa campanha é ‘Roupa limpa com garantia, e economia, só na lavanderia’. O cliente economiza também porque compra menos peças, já que elas duram mais”, enfatiza Larocca.

Gostaram? Se tiverem alguma dúvida, é só deixar nos comentários!

Bjos e até o próximo post!
« VOLTAR
AVANÇAR »

2 comentários

  1. Amei as dicas. Ótimo para mim que serei casadinha em breve!

    ResponderExcluir
  2. Lindas fotos, amei s2

    ResponderExcluir