31 de julho de 2015

Como deixar a casa sempre arrumada

No instagram do blog eu sempre publico inspirações de arquitetos renomados, e ao receber essa matéria eu fiquei ainda mais fã da Leila Dionizios. São dicas de ouro de como deixar a casa sempre arrumada. Vejam!
Projeto: Leila Dionizios

Para deixar a casa sempre arrumada, é necessário ter espaços para armazenamento de objetos que sejam suficientes em todos os cômodos. Para tanto, além dos armários, é importante acrescentar outros itens a decoração, como prateleiras, nichos e baús, dentre outros, que otimizam o espaço e deixam os ambientes mais funcionais.

Para tanto, a arquiteta Leila Dionizios ensina alguns truques para deixar cada um dos cômodos da casa mais arrumados.

Quarto: geralmente, todo quarto possui um armário. Entretanto, nem todo mundo tem um armário grande o suficiente para todos os pertences. Outro caso são armários que não são bem distribuídos, tornando difícil organizar todas as coisas dentro dele. Neste caso, se houver espaço no quarto, uma cômoda pode ajudar bastante a manter o cômodo mais organizado. Um baú também pode ser um item de decoração interessante. Camas com baú ou gavetas também contribuem para a organização do cômodo, além de não ocupar espaço extra. Se não for possível adicionar mais nenhum móvel ao quarto, vale a pena explorá-lo verticalmente com prateleiras e nichos. Para facilitar a organização, guarde as miudezas em caixas decoradas. O quarto ficará ainda mais bonito e colorido.

Sala: aparadores ou buffets com gavetas e portas ajudam a deixar o cômodo mais arrumado sempre, guardando aqueles itens que não precisam estar a mostra no momento. Um baú também pode ser uma alternativa para este cômodo, assim como algumas prateleiras e nichos. Uma boa alternativa são puffs que também funcionam como baús, pois além de armazenar objetos, eles ainda proporcionam assentos extras quando há necessidade.

Cozinha: geralmente um cômodo que possui muitos armários, a cozinha ainda assim é um local que pode ficar bastante desorganizado, principalmente se os móveis não tiverem um espaço interno otimizado. Neste caso, já existem vários acessórios que ajudam a setorizar e dividir os armários, deixando-os melhor para o uso diários e evitando que balcões e mesas fiquem entulhados. No caso de despensas, cestas organizadoras podem ajudar bastante a deixá-la mais arrumada e ajudar a manter os alimentos com datas de vencimento próximas sempre na frente, para serem consumidos antes.

Banheiro: é sempre bom ter pelo menos um armário no banheiro para manter aqueles itens que precisam estar sempre a mão, como sabonetes, papel higiênico e creme dental. Além disso, toalheiros também são essenciais. E, para quem gosta de ler no banheiro, um revisteiro complementa a decoração e mantém as revistas secas e arrumadas. No caso de quem tem muitos perfumes ou itens de maquiagem, pode ser necessário uma pequena prateleira para organizá-los. Para as mulheres que utilizam o banheiro para fazer o cabelo, também existem assessórios próprios para guardar o secador de cabelos e a prancha, mantendo-os mais acessíveis.

*Matéria colaborativa

30 de julho de 2015

Cerimonialista da dicas para evitar gafes no casamento

Os casamentos são lindas celebrações em que o casal declara todo o seu amor perante família e amigos. Entretanto, contratempos e gafes podem acontecer com qualquer um. Pensando nisso, a cerimonialista Shalimar Catramby, sócia da Casuarinas Casa de Festas, dá dicas para você evitar gafes no casamento.
Imagem: Luiza Reis Fotografia

1- Presente de casamento: muitos casais optam por fazer listas de presentes de casamento em algumas lojas. No entanto, dar ou não um presente de casamento, assim como seguir a lista, fica a critério de cada convidado. Não se preocupe se você não puder arcar com essa despesa, pois o presente de casamento é opcional.

2- Atrasos: evite atrasar-se para um casamento, pois não é só deselegante como também uma falta de respeito. Procure chegar alguns minutos antes, para poder escolher seu lugar com calma. Se for um dia de chuva ou se você sabe que pode pegar um trânsito mais carregado, saia de casa com antecedência. É melhor esperar um pouco mais do que se atrasar.

3- Roupas: fique atento ao convite para saber que roupas deve usar no casamento, pois muitos deles vem indicando o dress code do evento. No caso dos homens, é mais fácil, pois basta colocarem um terno para ficarem adequados a quase todo tipo de casamento. Já as mulheres podem ter mais dificuldade. Se você não souber o que usar, pergunte a um dois noivos ou à cerimonialista, pois eles poderão te ajudar. E não se esqueça da regra de ouro: se você não é a noiva ou uma daminha, não deve usar vestido branco.

4- Igreja: cada religião tem suas regras, e você deve mostrar respeito não só pelo casal, mas também pela Igreja onde o casamento será realizado. Se você não conhece bem a religião dos noivos, informe-se e evite constrangimentos. Roupas curtas e decotadas podem ser inapropriadas, assim como sair da igreja antes do celebrante terminar o culto. Ficará parecendo que você foi ao casamento só por causa da festa. Se você tem crianças pequenas, converse com elas com antecedência e explique que a igreja é um local que deve ser respeitado.

5- Festa: ao chegar na festa, espere pelos noivos e sempre os cumprimente. Demonstre sua felicidade, dê os parabéns e evite piadas que possam constrangê-los. Se você for convidado a tirar fotos com o casal, seja solicito e mostre seu melhor sorriso. Se for houver bebida alcoólica no casamento, cuidado com os exageros. E evite ficar pedindo brindes e lembrancinhas, pois eles serão distribuídos na hora certa.
*Matéria colaborativa

29 de julho de 2015

Casamentos temáticos são opções para economizar

Especialistas trazem dicas para planejar sem erros e com economia!
Os casamentos temáticos estão em alta, cheios de criatividade e inovações. É uma maneira de incrementar ideias originais, fugir do tradicional e passar a personalidade do casal. Existem diversos temas que podem servir de inspiração como: cinema, anos 80, campestre, praiano, entre outros.

De acordo com Natalie Blanco, assessora de eventos da Blanco & Arruda Assessoria Cerimonial, organizar uma festa temática exige maior empenho artístico dos profissionais envolvidos. “Festas com temas pré-definidos exigem muita pesquisa e criatividade. Precisamos manter um equilíbrio entre os elementos como, por exemplo, para decoração junina, destacar o lado caipira da decoração sem perder a elegância dos detalhes clássicos. Assim como a decoração, as comidas e bebidas também devem seguir a temática acentuando a ideia”, afirma.

De acordo com a assessora, os casamentos temáticos costumam sair mais em conta do que as festas tradicionais. “Nos casamentos temáticos temos maior liberdade para criar, improvisar e optar por materiais com menor custo principalmente para utilizar na decoração. Além disso, escolhemos produtos da época que são mais fáceis de encontrar. Com certeza o casal irá economizar se o optar por uma festa deste tipo, principalmente em relação aos custos de buffet e arranjos”, comenta a especialista.
1-) Orçamento
Ter em mãos quanto se pretende gastar é o primeiro passo para decidir detalhes importantes como a contratação de uma empresa especializada em casamentos e o aluguel do espaço onde será a festa. De acordo com Marcilio Andrade, do Estação Santos Eventos, quanto mais cedo se entra em contato com fornecedores mais fácil é a negociação por descontos. “Uma dica para conseguir descontos em alguns serviços, como na locação do espaço onde será a festa, é dar início ao planejamento do orçamento com antecedência, assim é possível negociar. Além disso, se deixar muito para cima da hora pode ser que o espaço escolhido não esteja livre”, afirma.

2-) Escolha do tema
O tema deve agradar tanto o noivo quanto a noiva. O primeiro passo é preparar uma lista com tudo que tem haver com ele. Com a lista pronta, pense nos elementos que poderão ser utilizados na festa de casamento. Lembre-se que a decoração deverá refletir o bom gosto e estar relacionado com cores, decoração, arranjos, etc. Essa é a etapa em que os noivos podem soltar a imaginação e usar a criatividade. Também é feito solicitações de preços para se ter uma ideia de quanto se iria gastar se tudo que foi escolhido fosse estar presente no dia do casamento.

3 – Itens principais personalizados
Com o tema definido, são 3 os itens importantes que precisam manter a temática com classe e elegância: convites, cardápio e bolo. “É papel da assessoria cerimonial contratada, orientar e levar ideias criativas para os noivos. Quanto mais cedo os detalhes são decidido, mais os noivos economizam”, finaliza Natalie Blanco.​
Imagens cedidas pela assessoria.
*Matéria colaborativa.

28 de julho de 2015

3 coisas importantes para a segurança da sua família

Oi gente! Como vocês já sabem, ano passado conseguimos comprar nosso primeiro apartamento. Pesquisamos muito, procuramos referências da construtora e um dos pontos mais importantes foi a segurança do condomínio. É extremamente importante que a segurança seja um dos principais quesito a se considerar na compra de um imóvel. 
Neste post, além de dicas para a segurança da sua família, o blog indica um novo empreendimento na cidade de São Paulo. Alô alô leitores de São Paulo!

Assim como algumas metrópoles brasileiras, São Paulo também pode ser perigosa e nem sempre é possível se sentir seguro passeando pelas ruas da cidade. Cuidar da família e da qualidade de vida dos seus filhos é essencial para uma jornada mais feliz, por isso, se você não quer mudar de cidade mas quer uma vida mais segura, saiba priorizar o que é importante!
Ter um local para deixar seu carro

Em uma cidade grande como São Paulo, nem sempre é possível achar estacionamento perto dos grandes centros empresariais ou de lazer. Muitas vezes somos obrigados a deixar o veículo solto na rua ou em cuidados de um flanelinha, que muitas vezes não é credenciado pela prefeitura, para manter a segurança do seu carro até o momento de ir buscá-lo. Por isso, sempre que possível, pare em estacionamentos privados. Se você mora em algum prédio antigo sem garagem, o problema pode ficar pior. Busque sempre imóveis com vaga para veículos.

Morar em um condomínio fechado

Uma das principais medidas que podem garantir a segurança da sua família é morar em um condomínio fechado. Geralmente, eles possuem câmeras de vigilância, acesso restrito a não moradores e seguranças bem treinados. Buscar um local com sólida infraestrutura de segurança é uma das principais soluções para uma vida melhor.

Não precisar ir longe para lazer ou conveniência.

Nada melhor do que dar um pulinho na padaria ou no clube a pé, sem sair de perto da sua casa. Ter acesso a lazer e lojas de conveniência no local onde você mora é essencial para a segurança da sua família, ainda mais se o ambiente houver boa infraestrutura de segurança.

Por isso, pesquise bastante o empreendimento que você quer morar, assim você poderá resgatar o gostinho de liberdade da sua infância e oferecer um crescimento saudável para seus filhos. Preze pela segurança da sua família e venha morar no Terrara! O Villa Terrara é um bairro planejado localizado na Zona Sul de São Paulo, composto por casas e townhouses ele oferece conforto, segurança e qualidade de vida para você e sua família. Além da localização privilegiada, o Terrara oferece mais de 100 itens de lazer como piscinas, sauna, cinema, quadras de esporte, shopping center, salões de festas, com mais de 12 mil metros quadrados de área verde.

Para você que ainda está procurando seu cantinho para morar, conheça um pouco mais do conceito inovador do Terrara Condomínio, faça download do kit informativo que explica tudinho.

Ah e os moradores que já estão no condomínio resolveram contar um pouco de sua história, assista o vídeo com histórias emocionantes.
 *publipost
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Realizando um Sonho | Blog de casamento e lar doce lar © | Projeto desenvolvido por Erica Moraes | Todos os direitos reservados | Melhor Visualização no Google Chrome | Ir para o topo!